Obra da Paralela 2010 discute o ‘legal’ e o ‘ilegal’

Há poucos anos morando em São Paulo, o mexicano Hector Zamora se deparou com uma situação curiosa pelas ruas paulistanas. O artista descobriu no centro da cidade uma loja que comercializa de forma legal (com nota fiscal e tudo!) tabuleiros para os camelôs que trabalham ilegalmente na região.

O artista adquiriu 25 destas bancas e construiu uma instalação que apresenta a partir desta quarta-feira, dia 22, na Paralela 2010. Veja foto da obra sendo montada:

Anúncios

Sobre paralela10

Em sua 5ª edição, a mostra reúne 82 artistas no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo, entre 22 de setembro a 28 de novembro de 2010, sob a curadoria de Paulo Reis
Esse post foi publicado em Bastidores e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s